A manutenção elétrica é fundamental para garantir o bom funcionamento de painéis, máquinas e equipamentos industriais. Por meio dela, é possível prevenir danos e corrigir diversos problemas, evitando acidentes que podem comprometer a segurança dos colaboradores ou paralisar a produção.

Para realizar a manutenção elétrica industrial, é necessário contar com profissionais especializados e capacitados para este tipo de serviço. Além de treinados e cientes de todas as normas de segurança vigentes, eles devem estar equipados com os itens de segurança necessários.

A manutenção não apenas garante que as instalações elétricas industriais sejam preservadas, como também gera diversos benefícios para as empresas e colaboradores. Pensando nisso, produzimos este conteúdo para te apresentar a importância de um serviço especializado em manutenção elétrica.

Além disso, ainda mostraremos os tipos de manutenção que existem. Desta forma, você poderá proporcionar mais segurança ao ambiente da sua indústria. Confira os tópicos que serão abordados:

  • O que contempla a manutenção elétrica industrial?
  • Manutenção elétrica preditiva e preventiva
  • Manutenção elétrica corretiva
  • Encontre parceiros qualificados

O que contempla a manutenção elétrica industrial?

A manutenção elétrica é essencial para qualquer tipo de instalação, seja ela residencial, predial ou industrial. Porém, por ter uma estrutura mais complexa e contar com um alto número de trabalhadores alocados e riscos envolvidos, a indústria necessita ainda mais – e com mais regularidade – deste tipo de serviço.

O planejamento da manutenção é uma etapa primordial. Ele deve contar com uma matriz de riscos e um plano de ação para os eletricistas (empregados próprios ou terceirizados). Essa matriz deve possuir um levantamento das instalações elétricas e a divisão dos riscos envolvidos nesta instalação. Os riscos podem ser classificados em alto, médio e baixo, ou em quantas subdivisões o caso concreto solicitar.

Também na matriz deve estar clara a consequência do risco tratado, caso ele venha a se concretizar, por exemplo: parada da produção (e.g. no caso de uma esteira rolante), perda de um maquinário, perda da produção, incêndio, explosão etc.

É muito importante que todas as pessoas envolvidas na manutenção estejam cientes sobre os riscos ponderados e seu escalonamento. Aqui, não se trata somente das pessoas diretamente envolvidas em campo (técnicos, engenheiros. etc). É necessário que os tomadores de decisão, departamento financeiro, estratégico e RH também sejam envolvidos nesse assunto, pois somente com uma boa comunicação entre todas as pontas, as medidas necessárias poderão ser adotadas para sanar os riscos.

Assim, para cada risco verificado, deve-se travar um plano de ação. Para os mais altos, deverá ser pesquisado, planejado e implementado com a maior celeridade possível as melhores práticas preditivas disponíveis. Além disso, como vivemos em uma época em que o ambiente de inovação tecnológica é crescente e constante, as equipes de manutenção precisam estar sempre atualizadas acerca das novidades do mercado.

A sua matriz de risco e o plano de ação não devem ser estáticos. Isso porque no dia a dia da manutenção, novos riscos podem ser verificados, bem como novas soluções podem surgir e isso deverá ser devidamente registrado. É o trabalho de campo que permitirá tais atualizações.

Em campo, a manutenção elétrica colocará em prática o plano de ação, com s, reparos ou substituição de sistemas elétricos. De maneira geral e simplificada, serão utilizados instrumentos que testam, medem e controlam as grandezas elétricas a fim de descobrir se uma medida mais ampla deve ser adotada ou se o risco ali levantado está devidamente escalonado e sob controle.

A partir daí será possível recorrer à manutenção corretiva (menos desejada se o planejamento foi bem feito) ou definir se o risco requer uma manutenção preditiva e/ou preventiva.

Manutenção elétrica preditiva e preventiva

Como o próprio nome já diz, a manutenção preditiva elétrica industrial tem o intuito de antever possíveis problemas nas instalações industriais.

Este tipo de manutenção necessita de tecnologias de ponta e especificas responsáveis por prever possíveis falhas e avarias nos sistemas elétricos e seus circuitos, disjuntores, interruptores e painéis elétricos, bem como nos equipamentos por eles alimentados, antes que tais defeitos causem quaisquer danos à produção, aos equipamentos, às pessoas e ao meio ambiente.

Quando é encontrado algum tipo de defeito ou anormalidade via manutenção preditiva, as equipes de manutenção de campo poderão atuar de forma segura a fim de corrigir o problema antes que ele tome proporções maiores. A manutenção preditiva somente é viável com o monitoramento constante e ininterrupto do risco que se pretende evitar. Via de regra, ela analisa pequenas anormalidades desde o início, ou seja, identifica o problema já em sua raiz, quando ainda é incapaz de causar algum dano.

Por sua natureza, a manutenção preditiva é essencial para aqueles riscos classificados em sua matriz como alto. Apesar de ser necessário um investimento maior no início, considerando os danos que serão evitados, o benefício da manutenção preditiva é imponderável.

Já a manutenção preventiva não tem o intuito de prever falhas via um monitoramento constante. Nela, a equipe de manutenção elabora um cronograma para s das instalações conforme o que é determinado pelas normas, manuais de fabricantes ou diretrizes internas.

Para os riscos que não são classificados como alto, a manutenção preventiva se revela uma boa solução a fim de evitar danos. Tais ações (preditiva ou preventiva) sempre serão mais vantajosas que uma manutenção corretiva não programada. Além disso, evitam o risco de acidentes e outras complicações para sua indústria, como paradas na produção ou paralisações de maquinário, que podem resultar em prejuízos financeiros de diversas proporções.

Manutenção elétrica corretiva

Este tipo de manutenção elétrica deve ser realizado quando já existe algum problema identificado, por exemplo, depois que alguma máquina começou a apresentar problemas em seu funcionamento. Apesar de necessária (quando não foi feito um trabalho preventivo), a manutenção corretiva costuma ter um custo-benefício muito baixo.

Isso porque, além do serviço ser mais caro devido a urgência e risco envolvido, a indústria que o solicita provavelmente já teve que paralisar sua produção, perdeu maquinário ou sofreu com algum tipo de acidente – o que pode gerar multas, indenizações etc.

Por isso, o mais indicado é sempre que possível fazer o planejamento de sua manutenção e, com isso, preservar suas instalações industriais.

Encontre parceiros qualificados

Um dos principais desafios das empresas que buscam por manutenção elétrica industrial é encontrar um parceiro qualificado para atuar em diversos segmentos. Além de estar a par de todas as normas de segurança, a empresa responsável pelo procedimento deve mostrar experiência na área específica em que realizará o serviço.

Na indústria química, por exemplo, a exposição dos circuitos elétricos a fatores corrosivos faz com que o sistema de supervisão precise realizar uma manutenção rápida e eficaz, pois qualquer faísca pode causar um princípio de incêndio ou, até mesmo, uma explosão.

Por isso, antes de contratar um parceiro fixo para sua manutenção preventiva elétrica industrial, busque conhecer o portfólio da sua prestadora de serviços, estando certo de que ela está familiarizada com as mais avançadas tecnologias e metodologias de segurança.

A RDI Bender

Na RDI Bender, oferecemos serviços de localização de falha de isolamento elétrico para as suas paradas de manutenção preventiva, bem como soluções qualificadas e comprovadas mundialmente para a supervisão do isolamento em locais cuja manutenção preditiva é indispensável.

Atuamos em segmentos como:

  • Álcool;
  • Açúcar;
  • Alimentos;
  • Automobilística;
  • Bebidas;
  • Energia;
  • Hospitais;
  • Química e petroquímica; e
  • Siderúrgica.

Além das soluções para supervisionar o isolamento elétrico em indústrias dos mais variados setores, também realizamos a montagem de painéis elétricos de baixa tensão.

Dúvida? Conheça um pouco da nossa história, nossos certificados e nosso reconhecimento no mercado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *